Seguidores

7 de mar de 2010

Que anjo é esse?


Que anjo é esse que chega assim,
embalado por lindos versos de amor,
numa canção que me chega aos ouvidos,
solta ao vento de uma nova ilusão...
Que anjo é esse que chega assim,
no murmúrio das águas do mar,
surgindo dos ruidos das ondas
e com a brisa vem meu rosto afagar...
Que anjo é esse que chega assim,
em sonhos, no meu mundo adentra,
inquietando a solidão do meu quarto
e seu perfume espalhando no ar...
Que anjo é esse que chega assim,
dos ventos que agitam as folhas,
do oceano, da brisa tão calma
da vida, da alma e da dor...
Que anjo é esse que chega assim,
descendo perdido dentre as estrelas...
é um anjo encantado! caíndo dos céus,
resplandecente de amor pra mim...
(fatima fontenelle)
07/03/10

Um comentário:

  1. Olá! Estou divulgando o meu conto O Diário de Bronson. Bronson é um abstinente alimentar novato e está sofrendo tudo que há de sofrível neste começo de calvário.
    Gostaria de lhe convidar a dar uma olhada e quem sabe até um comentário para estimular o pobre Bronson nesta saga.
    Abraço e agradeço antecipadamente pela atenção dispensada!
    Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com .

    ResponderExcluir

A menina que fui um dia

A menina que fui um dia

Nosso perfume solto ao vento

Nosso perfume solto ao vento

Sou assim.....

Sou assim.....
Mulher... Menina....E um sonho!

Almas que se encontram...

Almas que se encontram...

tem dias

tem dias
Tem dias que sou eu mesma, em outros não sei quem sou. Tem horas que sou saudade e em outras sou só amor! (fatima fontenelle)

Lembro Você!

Lembro Você!
Na penumbra do meu quarto lembro você, vejo nós dois, nossos corpos, nossos delírios e nossa entrega. (fatima fontenelle)

Eu aprendi....

Eu aprendi....
Aprendi que não existe felicidade plena, existem momentos felizes e que o amor não resisti ao tempo, adormece para acordar tarde demais.... (fatima fontenelle)

eu sempre eu

eu sempre eu
Um pouquinho da criança que existe em mim......

Acordei triste....

Acordei triste....
Acordei tão triste, com saudade de você; que sumiu de minha vida, sem nada me dizer. Meus dias estão longos; minhas noites sem luar, minha cama está vazia; nos meus braços não estás. No meu pensamento, te procuro e te encontro; nos meus sonhos é teu lugar. No meu coração fazes morada; no meu carinho teu prazer; e nos meus beijos teu calor. O meu corpo clama o teu; o teu cheiro tá em mim . e minha entrega é um êxtase de desejo e de amor. De repente eu acordo e do meu sonho eu desperto, e você não mais está. (fatima fontenelle)