Seguidores

21 de abr de 2011





Estrela
A cada dia...

A cada dia a vida nos mostra
que viver é um presente de DEUS.
Portanto, agradecer é necessário, sempre;
A cada dia a vida nos mostra
que os problemas existem e existirão,
para que possamos nos tornar mais fortes;
A cada dia a vida nos mostra
que o nosso caminho é sinuoso e longo;
e que devemos percorrê-lo com sabedoria;
A cada dia a vida nos mostra
que o sofrimento chega num instante,
para que façamos dele uma fonte de fé e esperança;
A cada dia a vida nos mostra
que o nosso verdadeiro amigo existe,
e que o reconhecemos numa lágrima que cai;
A cada dia a vida nos mostra
que os nossos amores vêm e vão,
para que os eternizemos no nosso coração;
A cada dia a vida nos mostra
que o sonho é essencial,
mas é preciso acreditar para que ele se realize;
A cada dia a vida nos mostra
que é possível ser e fazer alguém feliz,
para isso o amor é fundamental.
E assim: cada dia a vida nos mostra
que ter tudo não significa ser feliz,
que nem sempre amamos quem nos ama,
que a felicidade é um estado de espiríto
e que ela existe para os que amam,
para os que sofrem, para os que choram.
Que a saudade ameniza a solidão,
que a dor existe, resta a cada um alimentá-la ou não,
e que a vida continua em cada amanhecer
que DEUS habita em cada um de nós
ELE é o amor maior, o bem maior.
Cabe a nós a cada novo dia, em cada alvorecer
escolher ser ou não ser plenamente feliz
e que amar se faz mais que necessário
para atingírmos a plenitude da vida e do amor!
(fatima fontenelle)
22/11/09

15 de abr de 2011

Quem sou eu...


Sou o sol que resplandece todo dia,
com seus raios sobre a terra e sobre o mar;

que à tardinha se esconde lentamente,

dando passagem para a lua se chegar...

Sou o mar que encanta o silêncio,

com suas águas que saltitam sem parar,

sou a onda que vem vindo apaixonada

para na areia num coração te desenhar...

Sou o vento que sopra de manzinho,

sou a brisa que sorri sob o luar;

sou os pingos que molham o teu rosto

acariciando e te tocando sem parar...

Ah! eu também sou o infinito colorido;

sou o céu todo azul, tal qual o mar;

e a canção que tu ouves bem distante..

Meu amor! também sou eu a te chamar...

(fatima fontenelle)

15/04/11

4 de abr de 2011

Ao meu Pai...



Nasci de ti meu pai amado!
fostes guerreiro, meu bem maior;
o meu exemplo, a minha força
meu pai herói, meu vencedor...

Na memória eu ainda trago:
eu criançinha juntinho a ti;
o teu abraço está guardado,
e até canções que cantou pra mim...

De homem íntegro a pai presente,
lutando sempre, buscando o pão...
às vezes cansado tu acordavas
e seguravas firme em minha mão...

Ainda hoje eu relembro tudo:
até de São jorge lá no salão...
quando doente a mim mostravas,
pra que eu calasse, não esqueço não...

A tua voz ,eu escuto sempre:
as vezes brava, as vezes não;
de tuas histórias recordo todas,
meu pai amigo, meu pai irmão...

Depois de tudo, no meu cansaço,
te busco sempre em minha oração,
tu ès meu santo e o meu refúgio,
obras milagres em mim, então...
(fatima fontenelle)
04/04/2011

2 de abr de 2011

To com medo de não conseguir juntar meus pedaços de forma ordenada. É isso.
(fatima fontenelle)
02/04/11

A menina que fui um dia

A menina que fui um dia

Nosso perfume solto ao vento

Nosso perfume solto ao vento

Sou assim.....

Sou assim.....
Mulher... Menina....E um sonho!

Almas que se encontram...

Almas que se encontram...

tem dias

tem dias
Tem dias que sou eu mesma, em outros não sei quem sou. Tem horas que sou saudade e em outras sou só amor! (fatima fontenelle)

Lembro Você!

Lembro Você!
Na penumbra do meu quarto lembro você, vejo nós dois, nossos corpos, nossos delírios e nossa entrega. (fatima fontenelle)

Eu aprendi....

Eu aprendi....
Aprendi que não existe felicidade plena, existem momentos felizes e que o amor não resisti ao tempo, adormece para acordar tarde demais.... (fatima fontenelle)

eu sempre eu

eu sempre eu
Um pouquinho da criança que existe em mim......

Acordei triste....

Acordei triste....
Acordei tão triste, com saudade de você; que sumiu de minha vida, sem nada me dizer. Meus dias estão longos; minhas noites sem luar, minha cama está vazia; nos meus braços não estás. No meu pensamento, te procuro e te encontro; nos meus sonhos é teu lugar. No meu coração fazes morada; no meu carinho teu prazer; e nos meus beijos teu calor. O meu corpo clama o teu; o teu cheiro tá em mim . e minha entrega é um êxtase de desejo e de amor. De repente eu acordo e do meu sonho eu desperto, e você não mais está. (fatima fontenelle)